Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


4000 casos muito complicados

por jl, em 13.11.17

prostata.jpgOlá.

Os homens por norma gostam muito de estar por cima e não se dar o braço a torcer e muito orgulhosos e o tema que hoje falo é bastante sério. Cá vai então:

Homens evitam exames que podem prevenir tipo de cancro mais frequente

As perturbações causadas pelos exames à próstata dificultam o diagnóstico precoce do cancro da próstata, uma doença que já é a segunda causa de morte por cancro e o tumor mais frequente no homem. Em Portugal surgem todos os anos cerca de quatro mil novos casos.

"Os exames à próstata mexem com a masculinidade de muitos homens que acabam por se sentir violentados mas não há razão para isso. Quer o toque retal quer a ecografia prostática não são agressivos. As sondas transretais são delicadas e quanto mais descontraídos os pacientes estiverem mais fácil e rápido é o exame", revela o médico urologista Matos Pereira. Os homens ainda ligam muito estes exames a uma perca de masculinidade.

O especialista aconselha que os homens ignorem o desconforto psicológico que este tipo de exames pode causar e a ter em mente a importância do diagnóstico precoce da doença: "Claro que depende do tipo de cancro, pois há tumores que mesmo detetados precocemente são de tal modo agressivos que acabam por ter desfechos trágicos”.

"Mas a maior parte deles, bem ou moderadamente diferenciados, quando descobertos numa fase inicial, têm uma probabilidade elevadíssima de cura, seja através de cirurgia, de radioterapia externa ou interna ou braquiterapia (implantação de sementes radioativas) e é isto que é preciso reter".

“Existem métodos de diagnóstico precoce muito rigorosos, pelo que é essencial que, a partir dos 45 anos, todos os homens façam uma consulta de rotina anual, se não houver história familiar de cancro na próstata. Se houver, é importante começar uma vigilância mais cedo, por volta dos 40 anos, uma vez que ao ter lugar numa zona periférica, não traz quaisquer sintomas até uma fase muito avançada e, além disso, aumenta exponencialmente com a idade", conclui o médico.

Em Portugal, o cancro da próstata é o tipo de cancro mais frequente no homem e mata todos os anos 1800 pessoas. Embora isto sejam só para palavras, para 1800 famílias isto são casos que marcam profundamente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:23



A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

Mais sobre mim

foto do autor



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Novembro 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930

Comentários recentes


Mensagens




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D