Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Para a gaveta?

por jl, em 24.06.17

 

incendios.jpg

Boas.

Agora que se está a fazer o rescaldo da tragédia de Pedrógão Grande tem que se começar a tomar medidas sérias para que uma ocorrência destas não se repita. E estar a engonhar não adianta nada. Tem que ser sério e actuar firmemente. Tem que se ver o que vai fazer e aplicar medidas ajudando quem não pode mas tomando medidas sérias. E aqui não pode haver partidos políticos, não pode haver interesses escondidos e tem que estar englobada toda a gente, desde os partidos políticos, às Câmaras municipais, à Protecção Civil, aos Bombeiros e por aí fora mas não esquecendo uma parte fundamental que são as Juntas de Freguesia que são aqueles que estão mais em contacto directo com as populações e as realidades. Ainda hoje li que o fogo de Pedrógão Grande é o 11.º mais mortal do mundo desde 1900

E somando o balanço provisório de Pedrógão aos registos até 2016, Portugal torna-se o 6.º país onde mais se morre em grandes fogos florestais. Mas porque raio é que não se tomam medidas sérias desde há muito tempo atrás?

O incêndio de Pedrógão Grande deste fim-de-semana, que matou 64 pessoas (até agora!!), é já o 11.º fogo florestal a provocar mais mortos desde 1900, em todo o mundo. Sim, infelizmente é mesmo em todo o Mundo! Mas se aos dados de 2016 juntarmos as vítimas deste fogo no distrito de Leiria, Portugal será o sexto país onde mais se morre em grandes incêndios florestais.

A nível europeu, o fogo de Pedrógão Grande é já o terceiro com maior número de vítimas, sendo apenas ultrapassado, pelos incêndios na Grécia, no Verão de 2007, quando morreram 68 pessoas, e pelos fogos na região de Aquitânia, em França, em 1949. Morreram então 80 pessoas.

O receio que tenho enquanto cidadão, é que passando esta vaga de tristeza e luto tudo seja metido na gaveta. Porque no inverno toda a gente fala de cheias e blá blá, mas passando a altura da chuva fica no rol dos esquecimentos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:19


1 comentário

De s o s a 25.06.2017 às 09:59

Se considerarmos que estas vitimas mortais tiveram azar, pois nao tem havido outras mortes em serie, entao podemos tambem considerar que nao ter havido antes mortes em serie, foi uma sorte. Ou que nao tem havido antes mortes em serie, porque se tem feito muito.

Comentar post



A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

Mais sobre mim

foto do autor



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2017

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

Comentários recentes

  • Aninhas

    :-):-). Esqueceu-se da dor da P. D. I. Gostei de l...

  • Anónimo

    Nem vale a pena comentar... Para Besta só lhe falt...

  • Maribel Maia

    Considero que todos os animais devem ser bem trata...

  • Anónimo

    Concordo. 18 euros é um ROUBO!

  • António

    Moral da história:Se vires um burro e estiveres ve...


Mensagens




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D