Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Querido mudei...

por jl, em 31.07.16

Olá.

Vi um artigo estes dias que falava sobre as más condições que as prisões portuguesas «oferecem» aos utentes. É assim quem não estiver bem que peça para cumprir a pena no Paraguai. Aqui vai a notícia que li:

 

 Barão da droga cumpria pena em cela de luxo

 

img_930x470$2016_07_30_11_57_09_554647.jpg

 "Suite" tem cozinha, sala de estar e TV de plasma com DVDs.

Jarvis Chimenes Pavão foi condenado a oito anos de prisão por lavagem de dinheiro, no Paraguai. No entanto, o seu espaço no estabelecimento prisional de Asuncion rivalizava com algumas das mais luxuosas casas. Pavão gozava a sua sentença numa "cela VIP", com três divisões e uma suite (um preso tem que ter o seu espaço), uma televisão plasma, uma livraria, uma cozinha e uma colecção de DVDs. Para além disso, ainda havia espaço para uma sala de reuniões, mobiliário conceituado, guarda-roupa e até ar condicionado (quem é que manda o Paraguai ser um sítio tão quente?). Tudo isto numa das prisões mais sobrelotadas da região. Considerado um dos mais perigosos traficantes de droga na América do Sul, vivia mergulhado em luxo (calunias é o que é) atrás das grades... até ser descoberto pelas autoridades. A culpa é toda sua: segundo avança o Daily Mail, as autoridades começaram a desconfiar das movimentações do brasileiro e suspeitavam que estaria a planear escapar detonando uma bomba. Especialistas e investigadores foram, então, obrigados a entrar na celaimg_930x470$2016_07_30_11_57_05_554641.jpg de Jarvis à procura de explosivos. Ao chegarem, encontraram todas as mordomias que o brasileiro conseguira instalar na sua cela. Confrontado com o inusitado cenário, o advogado de Jarvis defendeu o seu cliente, dizendo que o seu luxuoso estilo de vida só provava a corrupção do sistema prisional do Paraguai. "Seis ou sete ministros e directores prisionais" terão recebido subornos de Pavão, que pagou, igualmente, pela melhoria das condições dos espaços afectos aos guardas e ao director, bem como o ordenado dos cozinheiros e a renovação da biblioteca da prisão. As repercussões deste caso já começam a surgir: a ministra da Justiça, Carla Bacigalupo, já foi demitida.

Isto é uma pouca vergonha. Então o senhor ajuda a recuperar as instalações; melhora a biblioteca lá do sitio; ajuda nos ordenados da malta e estão a dizer que ele era um malandro? Em relação à bomba, não era nada disso, o senhor é que pensava que o São João fosse mais tarde e ia colocar um foguetezitos lá na cadeia.Francamente!! Este senhor que estivesse preso em Portugal que as nossas prisões pareciam colónias de férias. Ao menos que o pusessem a apresentar um programa estilo Querido mudei a cela!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:55



A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

Mais sobre mim

foto do autor



Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Julho 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Comentários recentes

  • Aninhas

    Está tudo mto explicado e mto bom de entender! Iss...

  • Nuno

    Obrigado pela partilha

  • Kikas

    Boa tarde.Gostei muito do artigo. O Reader´s Diges...

  • vibradores

    No final de Alcabo é o que toca a cada 28 dias.

  • Maribel Maia

    Ou será que os ladrões são um grupo de miúdos gulo...


Mensagens




Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D