Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

marianagugudada

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

marianagugudada

31
Dez18

2018

jl

2018.jpgOlá.

E embora pareça que o ano começou há pouco tempo, a verdade é que o 2018 está prestes a ir embora. Basicamente o tempo é como o gelo que está nos Pólos derrete muito mais rápido do que aquilo que se está à espera.

Hoje de manhã dei por mim a pensar nos temas que estiveram em destaque neste ano que está a terminar. Claro que existem assuntos que estão frescos na memória e que são fáceis de mencionar, como a queda do helicóptero do INEM e que provocou quatro vítimas mortais, das manifestações dos coletes amarelos. E não falo dos milhares de França que semeiam o caos, falo de Portugal onde milhares dizem que participam isto no Facebook, mas depois aparecem cinquenta pessoas nas cidades.

O caos nos aeroportos por causa dos drones também é recente, mas se falar do programa da Supernanny da SIC parece que falo de uma coisa do século passado. Uma coisa que parece que já se arrasta há muito tempo é o caso da Pediatria do Hospital de São João que dizem os políticos que irá entrar em construção em 2019, mas vindo de uma classe que em 2018 marcava as presenças na Assembleia da Republica mas que afinal andavam a passear, é de duvidar. Claro que aquando da visita do presidente chinês ou angolano está lá tudo para a fotografia.

Mas a nossa classe politica continua igual, isso só tem um culpado. E aí somos todos nós!

Embora eu não tenha nenhum partido político vejo que o Sr. António Costa até tem algum valor. Porque o PS pode até nem não ter grandes ideias, mas consegue calar e controlar quer o Jerónimo Sousa, quer a Catarina Martins e se o PCP ou o BE pouco se ouvem (e aqui junto os Verdes e o PAN), o CDS e o PSD pouca mossa fazem. Ter a Assunção Cristas e o Fernando Negrão sempre a olharam para os telhados de vidro que têm não ajuda nada. E aqui deixo a minha a minha palavra de desagrado para com o Marcelo Rebelo de Sousa. Dos dez milhões de habitante no Continente, eu sou uma daquelas 37 pessoas que não tem uma selfie com ele!!

Já se for para estar a lidar com os protestos dos estivadores; dos professores, dos guardas prisionais; dos enfermeiros ou dos juízes é que é mais complicado até porque as reivindicações só se resumem a uma palavra: dinheiro. Mas tenta-se calar as classes mais baixas aumentando o salário mínimo para 600€, mas se trabalhar no público merece um aumento maiorzito. Claro que os que estão abaixo,  em 2019 não irão votar. Era o que mereciam, não eram!! Mas isso não acontece aqui; se fosse para festejar um título de futebol estava tudo na baixa a festejar, mas se o balcão dos CTT da zona fechar então encolhe-se os ombros!

E já nem falo nas mulheres, porque segundo os últimos estudos, os homens ganham em média mais 157€ que elas pelo mesmo trabalho. Se a minha Maria lê isto ainda diz que eu tenho que trabalhar mais!

Mas isto está sempre a evoluir, a NASA já nos consegue mostrar Marte em alta definição, mas já ninguém quer ver as estradas em Borba que parecem ser feitas de esparguete. Acidentes acontecem, mas quando fazemos por isso, isto acontece!! Mas quando acontecem factos como o furacão Leslie, as coisas só são faladas dois dias. Mas existem pessoas que a vida nunca mais se endireita.

 Claro que neste país existe sempre dinheiro para organizar o festival da Eurovisão em Lisboa ou aproveitando a especulação imobiliária vender um T0 por 150 mil euros, para colocar o preço da gasolina a ser um dos mais caros do Mundo, mas depois batemos palmas para o Mourinho que sacou mais de 25 milhões ao Manchester ou ao Ronaldo que apesar das acusações de assédio sexual ainda valeu uma centena de milhões que a Juventus pagou ao Real.

No plano internacional o Brasil foi muito falado por causa da eleição do Sr. Bolsonaro, mas também por causa da prisão do Sr. Lula e agora das acusações ao Sr. Temer. Nos Estados Unidos o Sr. Trump continuou com as suas maluquices (e já nem falo dos tiroteios que na terra do Tio Sam já são normais) e com as suas conversações com a Coreia do Norte, do produtor Harvey Weinstein que agora descobriram ao fim de muitos anos que abusava das mulheres; do Brexit que parece um assunto sem fim; da guerra entre Madrid e Barcelona; da Pedofilia na Igreja apesar da popularidade do Papa Francisco e do casamento real em Inglaterra que mereceu directos das nossas televisões e onde a Meghan Markle era a estrela. O terrorismo em França também mereceu enorme destaque, mas ao mesmo tempo as centenas de mortes ocorridos na Republica Democrática do Congo, no Afeganistão, no Iraque; na Somália ou no Iémen só passaram em rodapé.

Este também foi o ano em que se despediram de nós várias pessoas conhecidas mas que depois de serem faladas dois dias, depressa são esquecidas. Andamos uns dias a falar do Stan Lee que criou o homem aranha, mas da actriz Guida Maria quase que ninguém se lembra. Claro que se for para falar dos lugares que a Madonna tem direito para estacionar os seus carros, ou a mudança da Cristina Ferreira da TVI para a SIC já há muito tempo. Mas quem fala das dezenas de mortos que acontecem nas nossas estradas ano após ano?

Este também foi um ano em que o desporto foi muito falado. Claro que o 2ºlugar do Miguel Oliveira no Moto2; o 6º lugar do Futebol no ranking da FIFA (entre 211 selecções), a morte do presidente do Leicester num acidente aéreo; o Portugal ser campeão europeu de Futsal ou a discussão entre a tenista Serena Williams e o árbitro Carlos Gomes são falados mas ocupam 2% do tempo. Depois ainda temos o Real Madrid ser campeão europeu; o Modric vencer todos os prémios individuais (pondo em fúria a comunicação social defensora do CR7); depois o Sporting perder a Taça (embora as pessoas por vezes se esqueçam que o Aves a ganhou) e o F.C.Porto ser campeão num ano em que foi obrigado pela UEFA a não gastar dinheiro ainda merece uns 28% do tempo.

Mas o resto do tempo foi acima de tudo marcado pelas crises na 2ª circular. Ou pelo caso do e-toupeira na Luz ou pela crise no clube de Alvalade onde a invasão de Alcochete já preencheu centenas de horas na programação televisiva e que levou ao descalabro de Bruno de Carvalho. Meu amigo, que tivesse ficado com amnésia como o seu vizinho do Benfica!

Para amenizar isto, nada como ver Jorge Jesus nas Arábias a falar e a fazer-nos sorrir. Ganha milhões mas ao menos alegra a malta.

2019 vai entrar e quer a nível geral, quer a nível pessoal que seja melhor que este ano que finda!

30
Dez18

De olho aberto e bem atento!

jl

maquina lavar.jpgBoas.

De vez em quando leio certas coisas que me fazem ficar ainda mais alerta enquanto pai. Quem tem um petiz lá em casa sabe que quando uma criança está muito calada e os nossos olhares fogem por dez segundos decerto que virá asneira!

E se para um adulto algo possa parecer impossível, então uma criança irá fazê-lo e é precisamente sobre isso que li.

O caso ocorreu na cidade russa de Gubkinskyi e que teve um desfecho infeliz para uma criança de 3 anos.

Um menino morreu sufocado dentro de uma máquina de lavar roupa enquanto brincava com o irmão. Os pais das crianças acordaram e encontraram o desfecho trágico.

Segundo os meios de comunicação locais, a criança foi ajudada a sair do berço pelo irmão. A teoria é de que o irmão mais velho terá fechado o mais novo dentro do eletrodoméstico durante a brincadeira. Quando os pais da criança acordaram aperceberam-se que o filho não estava no berço e já o encontraram sem reacção dentro da máquina referiu o responsável pelas autoridades.

Segundo as perícias, a causa de morte do menino foi asfixia, mas as investigações continuam.

Esta é a segunda tragédia do género a ocorrer na Rússia num curo espaço de tempo, já que neste mês um menino também morreu depois de ficar preso dentro de uma máquina de lavar quando se encontrava sozinho em casa.

Quando se lê isto parece ser uma ideia estapafúrdia, mas as crianças fazem o inimaginável e quem os tem em casa sabe bem o que isso é.

Mas para além de tudo cabe a nós pais andar sempre em cima de tudo o que os miúdos fazem ou até o que vêm na televisão. Ainda há uns dias ao fazer zapping vi que na MTV estava a dar um programa estilo apanhados com coisas do género acima referidas.

E se na televisão acaba sempre tudo bem, então porque não o fazer? Essa é daquelas ideias que uma criança deve ter na cabeça!

29
Dez18

Poupadinhos em 2019

jl

calendario poupança.jpgOlá.

Agora que o ano de 2019 está aí á porta, é altura de começar a preparar a sua chegada. E é também nestas alturas que muitos de nós começam a traçar objectivos e para mim esse alvo será tentar economizar um pouco.

E o que me lembrei foi tentar fazer isso, mas ser realista. De que me adianta dizer que vou poupar cem euros por mês se depois não o conseguir?

Ao olhar para uma moeda de 50 cêntimos que tinha em cima do frigorifico lembrei-me que isso poderia ser o primeiro passo para conseguir alcançar o meu objectivo.

Se começar com essa pequena moeda e todos as semanas for aumentando em mais 50 cêntimos esse valor, chegarei ao fim de 2019 com um valor próximo dos 700 euros.

Para executar esse plano fiz um mapa no qual coloco as datas e o valor que colocarei num mealheiro. Embora cada semana tenha um valor correspondente, isto é sempre flexível. Por exemplo na semana 1 se conseguir poupar o que colocaria na semana 50, ou seja 25€ faça-o. Assim conseguirá descontar os valores mais altos e não sobrecarregar o seu orçamento. Acima de tudo tente conjugar os valores a «depositar» com os seus rendimentos. Por exemplo houve uma semana que alterei o depósito a efectuar (semana 52 com o valor de 37€) sendo que assim se consegue atingir o número redondo de 700€.

Em termos de valores cada um tem que se adaptar aos seus rendimentos. Se tiver um pouco mais de folga então dobre os valores e assim conseguirá quase 1400 euros. Mas se o seu orçamento já estiver esticado então comece com 25 cêntimos e assim chega ao fim do ano com quase 350 euros de parte.

No fim do ano escolha o que quer fazer, se quer comprar algo de especial, se quer compor o seu orçamento de Natal ou se quer colocar este dinheiro numa conta. Já reparou que ao fim de 10 anos consegue ter de lado (se não acontecer nada de anormal) cerca de 7000 euros?

Para guardar estes valores ode sempre optar por um mealheiro, sendo que daqueles fechados custam 1€ ou então opte por um frasco de vidro (ou preferencialmente de plástico transparente) e cole a tampa sendo que só terá que fazer uma abertura na tampa. Assim conseguirá ver aquilo com que está a juntar.

 

28
Dez18

Homem Pré-Histórico de regresso!!

jl

auau.jpgOlá.

Enquanto percorria a NET deparei-me com uma notícia que fiquei meio atónito ao ler o seu conteúdo.

A história em causa tinha como título que uma mulher tinha salvado um cão. E até aqui nada de anormal! Mas o que me deixou de queixo caído foi que o bichano tinha sido salvo porque estava mal tratado e incontinente porque tinha sido violado durante cinco anos pelo irmão do antigo dono!

 A mulher em causa (Yvonne) conheceu esta história através de um vídeo publicado no Facebook. O cão de seu nome Pincho, estava bastante mal tratado e com diversos ferimentos graves.

As imagens tinham sido publicadas por um grupo de resgate animal que dizia ainda que, devido às violações de que tinha sido alvo, o bichano tinha ficado incontinente. Ao saber desta história, Yvonne decidiu que tinha de tomar uma atitude e levou então o cão para sua casa, no Reino Unido, e cuidou dele.

A mesma informou que a situação do animal se tinha ficado a dever a um homem que ia a casa do irmão todos os fins-de-semana e nesse período abusava do canídeo praticando sexo com ele, o que causou-lhe problemas crónicos. O animal tinha ficado incontinente e devido a isso, usava fraldas. O bicho tinha ficado também com problemas de joelhos e ancas causados pelos abusos. Se violar uma pessoa é daquelas coisas inqualificáveis, violar um cão é... acho que encontrar um termo apropriado para escrever aqui não é fácil.

Neste momento, Pincho tem uma vida descansada e tratamentos para melhorar a sua condição de saúde, sendo que o mesmo já foi sujeito a cirurgias e faz fisioterapia.

Será que algumas pessoas estão a regressar à Pré-História?

27
Dez18

Grandes atitudes

jl

jorge mendes.jpgOlá.

Quando de ouve falar de futebol, as palavras que geralmente se ouvem ou é roubo; beneficiados; penalties; debates televisivos; ladrões; corrupção e de vez em quando em bom jogo e depois jogadores. De vez em quando e especialmente na altura das transferências também se ouve falar sobre ao agentes da bola. E é precisamente sobre isso que venho aqui falar e neste caso do Superagente português que é Jorge Mendes.

 Desta vez o empresário doou um ecocardiógrafo de última geração, no valor de cerca de 70 mil euros, ao Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto. O equipamento em causa serve para avaliação cardíaca que assegurará mais qualidade e segurança aos cuidados de saúde dos doentes, sendo que a instituição divulgou a oferta através das redes sociais e que agradeceu, em nome de todos os doentes, mais um gesto de altruísmo de Jorge Mendes. O gesto é fantástico e de louvar, mas num país que gasta dinheiro em coisas que não lembram a ninguém, isto não seria obrigação do Estado?

 O IPO refere e agradece o gesto do empresário e diz mesmo que é pena não haver mais pessoas que também tendo capacidade financeira para ter gestos semelhantes não os tem. Mas gestos altruístas como este cabem em primeiro lugar a quem nos governa!

 Já no início do mês, a empresa de Jorge Mendes, a Gestifute, equipou uma sala de informática com 17 novos computadores na Escola Básica Padre Joaquim Flores, em Revelhe, no concelho de Fafe. A oferta do empresário foi feita após um pedido dos alunos do 7º ano, no âmbito da disciplina de Cidadania e Desenvolvimento.

O dar à sociedade através destes gestos é algo que ainda me faz acreditar nas pessoas!

26
Dez18

Magia na Cozinha

jl

faisao.jpgBoas.

Um destes dias estava a ler uma revista da Teleculinária que estava lá em casa. Não é que seja um MasterChef mas na cozinha até me desenrasco, mas para isso às vezes uma ajuda até nem é má. E vai daí toca a ver receitas feitas com bacalhau. E fui ter a uma página em que o prato era Bacalhau à Portuense.

E não fiz o parto mas só com a lista de ingredientes deve ficar muito bom.

Até porque nessa mesma lista em vez de bacalhau estava faisão.

Sempre ouvi falar que não era possível fazer omoletes sem ovos, mas fazer um prato de bacalhau com faisão é digno de um passe de magia!!

24
Dez18

Jinglebel, Jinglebel já não há papel...

jl

paizitoerena.jpegHo Ho Ho!!

Isto é a frase que hoje à noite mais se vai ouvir por aí.

Depois de semanas de compras, de trânsito caótico por todo o lado, de gente que se mata pelo último Nenuco faz Xi Xi, de filas para embrulhar prendas que fazem lembrar as entregas do I.R.S. há vinte anos atrás, dos shoppings serem vistos como Fátima e toda a gente estar em procissão para lá, de ir ao supermercado comprar bacalhau e estar um hora na fila a ouvir aquele música que até provoca tonturas eis que chega o Natal.

Hoje em dia falar do menino que estava nas palhas deitado é complicado. Primeiro porque podemos ser acusados de pedofilia e segundo se dissermos às nossas crianças elas são dignas de chamar a Patrulha Pata para arranjarem roupa para o chavalo, para ele não se constipar.

Hoje vai ser dia das famílias estarem reunidas para o que realmente importa. E não falo da união da família nem do companheirismo, falo mesmo do encher o bandulho. Desde as entradas, até ao bacalhau cozido que se come quase como se o Mundo fosse acabar amanhã. Claro que depois da barriga estar quase a rebentar tem que se ter moderação e só comer um bocadinho de bolo-rei; de rabanadas; de leite-creme; da aletria; dos sonhos; do queijo da serra, de frutos secos; de tronco de Natal e por aí fora.

Claro que quando chega à meia-noite e não se teve ainda um enfarte por causa do óleo e do açúcar ingeridos é altura de abrir os presentes. É altura dos miúdos ouvirem aquele toque estranho da porta e irem a correr ver se o Pai Natal lhes trouxe o que pediram. Claro que se a Coca-Cola fosse responsabilizada pelo mal que fez à carteira dos pais de todo o Mundo ao inventar aquele senhor de fato vermelho, já não havia garrafas de refrigerante há muito tempo. E se o Natal é deveras importante é para a s crianças em que nós pais os ensinamos a olhar e a pensar nos outros. Ao verem as prendas (em que nós dissemos que este ano não íamos abusar. Claro que isso é daquelas frases que dizemos há dez anos seguidos) a maioria das crianças só quer é ver o que lhes calhou no saco e a parte de serem beneméritos é esquecida.

Em relação às prendas deixo um alerta, não comprem nada que faça barulho e que leve pilhas nas lojas chinesas. É que se estão à espera que as pilhas acabem ao fim de duas horas e aquele barulho desapareça; tirem o cavalinho da chuva (se alguém do PAN lê isto até me excomunga) porque vai ser Agosto e aquilo vai continuar a debitar aquele barulho irritante.

Uma das coisas que em minha casa não se vê é pessoal com os copos, porque acho que é das únicas três habitações aqui da cidade em que o pessoal não bebe álcool.

E o que se faz depois da cerimónia das prendas? Missa do galo? Descansar? Nãooo!! Continua a encher-se o bandulho e a verdade seja dita até é boa ideia porque vai chegar o ano novo e o resto dos bolos ainda vão andar por cima das mesas.

Claro que aí vai ouvir a mulher dizer que para o ano vai se fazer pouca coisa porque senão até se estraga comida. Ou seja, a ladainha que já se ouvia ainda se estava dentro da barriga da mãe.

Não se esqueça de ter sempre preparados dois sacos do lixo porque vai ter lixo das prendas que parece que não acaba, a não ser que o papel das prendinhas ser tirado com cuidado e assim serve para as próximas prendas. Se em Agosto vir um perfume embrulhado com um papel de Natal já sabe que existem mais pessoas com a sua ideia de poupança.

23
Dez18

Pinheiro a crescer

jl

quepapel.jpgOlá.

A minha pimpolha teve esta semana que passou uma festa de Natal no Infantário que frequenta. E foi bem giro desde ver as actuações no palco (onde a minha era a estrela que mais brilhava, pelo menos para mim!!) até ver a aplicação das educadoras, tudo correu muito bem e dou desde já os parabéns a quem organizou tudo isso.

Chegando quase ao fim, eis que entrou o Pai Natal em palco para distribuir uma prenda a todas a crianças e uma a uma lá foram recebendo a sua oferta. E no geral como festa acho que estava tudo impecável até porque tem que se compreender que eram crianças, algumas delas bem pequenas.

Quando chegou ao carro a pequena lá abriu a prenda e ficou imensamente feliz com a sua boneca.

Ou seja foi uma manhã de Sábado bem passada. Quase a 100% e para mim só não foi na totalidade porque o papel onde vinha embrulhada a boneca é assim (como dizer isto??) um pouco estranho porque os desenhos que aí estavam estampados eram um bocadito ordinarotes.

22
Dez18

Destruidora de sonhos

jl

painatal.jpgOlá.

Quando era pequeno, um dos grandes mistérios da Humanidade que me invadiam o espirito era como o Pai Natal chegava a minha casa e que ele devia ser muito magrinho e também mágico porque conseguia passar pelos buracos do exaustor. Claro que ao fim de uns anos apercebi-me que afinal ele entrava pelo postigo da casa-de-banho.

Mas hoje venho aqui deixar umas linhas sobre uma professora.

Uma professora de Nova Jérsia, a cerca de 30 quilómetros da cidade de Nova Iorque, EUA, foi despedida porque disse aos seus alunos da primeira classe, com idades entre seis e sete anos, que o Pai Natal afinal não passava de uma história e que o mesmo não existe.

A diretora das escolas de Montville, Rene Rovtar, informou que a referida professora já não trabalha no agrupamento escolar. Este caso ficou conhecido como "The Santa Affair" ("o caso do Pai Natal") e deixou vários pais perplexos ao ver a tristeza dos filhos depois de saber a verdade.

Uma das mães disse no Facebook que muitos pais tiveram que lidar com o dano causado pela professora quando as crianças chegaram a casa. Uma das senhoras contou que a filha Adriana, de seis anos, ficou muito angustiada e que lhe tinha partido o coração em ver a sua pimpolha tão em baixo, já que a mesma era fã do espírito de Natal.

A verdade sobre o Pai Natal (da professora, porque já se sabe que ele existe) não foi a única revelação que a professora fez, porque as crianças perguntaram também sobre a Fada dos Dentes, os elfos, os coelhos da Páscoa e outras figuras do imaginário infantil. Ela destruiu todas as histórias, contaram os pais. Será que ela também disse que políticos sérios não existem?

Mesmo antes de a professora ter sido posta a andar, o diretor da escola, tinha enviado uma carta aos pais a explicar o que aconteceu, realçando a importância das crianças preservarem a inocência durante essas datas.

Isto acontece num país em que o Presidente Trump quer que os Professores passem a andar armados.

Como isto está sempre a evoluir, um dia destes o Pai Natal começa a vir de tanque militar em vez de trenó e troca os sacos das prendas por metralhadoras.

Pág. 1/4

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D