Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

marianagugudada

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

marianagugudada

20
Abr19

Sonhar adulto em criança

jl

ballet.jpgOlá.

Hoje foi dia da minha pimpolha ter natação. Depois de uma semana recheada com outras actividades entre o Karaté, a Ginástica e o Ballet. E penso que não será exagerado já que tudo isto está englobado no seu tempo escolar e acima de tudo é feito como diversão e não como obrigação. Mas o que venho aqui falar mais concretamente é do Ballet.

E nisto falo da academia de Ballet da Ópera de Viena, onde vários alunos terão sofrido maus-tratos, como golpes, humilhações e até agressões sexuais, segundo revelou o semanário austríaco Falter.

Esta instituição foi fundada em 1771 e conta com 110 alunos com idades compreendidas entre os 10 e 18 anos. Esta escola é considerada uma das melhores da Europa e atrai candidatos do mundo inteiro.

Mas, segundo o relato do semanário Falter, as suas condições de ensino são dignas do século XIX, com agressões, humilhações e agressões sexuais, as quais estão a ser investigadas pela Procuradoria austríaca especializada na protecção de menores.

O director da Instituição, o francês Dominique Meyer, confirmou a informação, mas disse que a principal professora envolvida foi demitida em Janeiro. A pessoa em causa é de nacionalidade russa e praticava métodos "sádicos", de acordo com o jornal, que publica uma foto dos pés ensanguentados de uma jovem bailarina.

Para além da senhora que aparentemente é culpada, por outro lado acho que os pais destes jovens também tem culpa, porque ou quase que «obrigam» as suas crianças em apostar numa carreira aos dez anos ou porque não fazem o acompanhamento devido. Mas infelizmente hoje em dia cada vez mais se vê isso. E existem casos como o futebol em que centenas de pais colocam os seus filhos em Academias esperando que os miúdos ganhem milhares de euros ao fim de uns anos.

19
Abr19

Um dia destes vai ser aqui

jl

jackma.jpgBoas.

Daqui a pouco é hora de mais um dia de trabalho. E embora hoje seja feriado lá terá que ser. E embora seja um pouco chato ir a num dia destes vergar a mola, tenho que dar graças de não ser chinês senão aí é que estava tramado. E digo isto no seguimento de umas declarações que ouvi do empresário Jack Ma. Embora este nome nos diga pouco, é mais elucidativo quando se diz que ele é o co-fundador do grupo Alibaba, que segundo a revista Forbes possui um império avaliado em aproximadamente 35,1 mil milhões de euros, o qual afirmou, durante um discurso, que é apoiante do horário de trabalho chinês mais conhecido por “996”, conhecido por obrigar os trabalhadores a cumprirem 12 horas diárias de trabalho, 6 dias por semana.

«Muitas empresas e pessoas não têm a oportunidade de trabalhar no regime “996”», disse Ma no seu discurso, citado pela Reuters, «Se não trabalharem no “996” enquanto são jovens, como é que pensam vir a trabalhar neste regime?», questionou.

Mas ver dirigentes de grandes empresas a reclamarem pelo aumento do horário laboral não se restringe à realidade asiática, pois no ano passado Elon Musk (dono dos carros Tesla) publicou uma mensagem no Twitter em que dizia «nunca ninguém mudou o mundo trabalhando apenas 40 horas por semana». Mais tarde, Musk chegou a referir que os trabalhadores têm de passar a trabalhar entre 80 a 100 horas para causar uma mudança no mundo.  É que mesmo que o trabalho fosse assim dificilmente se conseguia comprar um carro dessa marca.

Acho que a maioria dos trabalhadores até não se importavam de trabalhar mais um pouco, se isso correspondesse a um aumento de ordenado. O problema é que o lado dos empregadores muitas vezes só se lembra do tempo de trabalho.

18
Abr19

Produto indevido

jl

berço fp.jpgBoas.

Que esteja tudo bem aí desse lado. Hoje o tema que trago aqui é sobre um berço. Isto é daquelas coisas que já me «livrei» há uns tempitos, mas o que falo aqui hoje é bem complicado.

A empresa de puericultura Fisher-Price (uma das maiores empresas de puericultura do mundo) pediu aos clientes que devolvam os berços Rock’n Play, já que existe um relatório da Comissão Americana de Segurança de Produtos de Consumo, que diz este produto esteve envolvido em mais de 30 mortes, apesar da empresa garantir que as mortes de bebés se devem a uso indevido do produto. Este produto teve vendas de cerca de cinco milhões de unidades.

O produto não consta da empresa no mercado português, mas está à venda em sites como o OLX.

A Fisher-Price assegura, ainda assim, que as mortes se deveram a uso indevido dos berços. Já que segundo a empresa o produto foi usado de forma contrária aos avisos de segurança e às instruções.

De acordo com a empresa e em conjunto com a Comissão de Segurança de Produtos de Consumo, está a ser feita uma recolha do produto.

A Associação Americana de Pediatria no início desta semana já havia apelado à devolução do berço, apelidando-o de mortal.

Segundo a revista VISÃO foi procurado procurou este modelo de berço no catálogo da Fisher-Price e nos sites que vendem produtos da empresa, mas não está disponível em Portugal. Mas, e infelizmente existe sempre um mas, há pelo menos um anúncio no site OLX que vende o berço novo, por 125 euros. E se o vendedor não retirar esse produto até por não saber, acho que o administrador desse site deve fazer isso.

17
Abr19

Reformas aos 69 anos

jl

pensoes.jpgBoas.

Esta semana um dos grandes temas de debate era sobre as idades da reforma e sobre o aumento da mesma para os 69 anos.

Este tema foi trazido pela fundação Manuel dos Santos, sendo que assim só em 2070 se colocaria o problema do défice das reformas. Mediante isto o problema não seria emergente.

Outra questão seria subir os descontos de trabalhadores e empregadores, o que adiaria o défice para 2037 e daria mais dez anos de vida ao Fundo de Equilíbrio Financeiro. Sendo que o corte de 0,5 pontos percentuais nas pensões adiaria o défice para 2035 e aumentaria em oito anos a vida do fundo.

Um dos modelos falados era o sueco, mas curiosamente o estudo não o recomenda, em que as pessoas podem começar a usufruir do valor das pensões a partir dos 60 anos de idade, desde que tenham cerca de 40 de descontos. O sistema é composto por três parcelas: uma pensão base, de natureza contributiva; uma pensão premium, privada e obrigatória, em regime de capitalização; e pensão mínima garantida, para quem não atingir um rendimento mínimo (correspondente ao complemento solidário de idosos).

Mas uma das coisas que não se fala neste país é sobre estabelecer tectos nos valores a receber e sobre as idades.

Eu sou a favor de uma diferenciação positiva entre algumas profissões. Para mim é incompreensível, um mineiro estar numa mina até aos 66 anos a trabalhar, um polícia estar em patrulha até aos 66 anos, um piloto andar com um avião até a essa idade, um pescador andar em alto mar já a pedir descanso, um bailarino andar a dançar ao pé coxinho e por aí fora.

Mas estas profissões não têm qualquer tipo de saída interna para que assim não haja diferenças tão grandes entre várias classes? Compreendo que um mineiro não tenha muitas alternativas, mas um polícia em vez de andar na rua a partir dos 50 anos, não tem nenhum trabalho burocrático para fazer? Um pescador a partir dos 50 anos não terá nenhum trabalho no que diz respeito à formação? Um bailarino tem direito à reforma aos 45 anos, mas uma senhora que trabalhe numa fábrica tem que trabalhar mais vinte anos? E quem diz estes exemplos diz outros, mas um país que existem cem pesos e cem medidas é incomportável e com isto faz que a abstenção cada vez seja maior.

Eu não digo que tenha razão, mas o que me faz confusão é que temas reais e importantes quase que não sejam falados. E nem falo do valor monetário das reformas!

Sinceramente o que me preocupa é que as gerações futuras terão um grande problema entre mãos.

16
Abr19

Ajudar os pimpolhos a comer

jl

criança comilona.jpgBoas.

Como já escrevi aqui várias vezes, sou pai de uma piolha que me faz ficar um bocado como os ursos polares. Não magro, mas sim com os meus cabelos brancos. Mas são cabelos brancos de felicidade sem que com isso descure a sua educação. E neste aspecto está englobada a alimentação da minha pimpolha.

E é na infância que se adquirem os bons hábitos alimentares. E ensinar os mais pequenos a comer bem, escolhendo melhor, o que faz com que nós pais também façamos uma melhor alimentação.

Segundo vários estudos, a altura ideal para se começar fazer é por volta dos dois anos, idade em que a maioria das crianças começa a desenvolver as suas preferências alimentares, mas nunca é tarde demais. Caso o nosso filho tenha a tendência de escolher em demasia aquilo que vai comer e se mostre, não raras vezes, hesitante ou até desagradado perante a introdução de novos alimentos, não há, ainda assim, motivo para alarme. Esta é, uma fase em que os gostos dos mais novos se podem relevar particularmente volúveis, chegando a variar de forma imprevisível: o alimento favorito numa determinada altura pode já não ser apreciado nos instantes seguintes, ao passo que uma comida normalmente rejeitada se pode tornar o prato favorito, de um dia para o outro. E como me revejo nisto, mas não nos podemos esquecer que também já fomos crianças.

Claro que todos conhecemos casos de crianças bastante selectivas ou muito esquisitas na hora da refeição, muitas vezes reclamando não gostar de uma série de alimentos que nunca sequer provaram mas, mesmo nessas situações há que não desesperar, se bem que por vezes o desespero está muito perto.

Para simplificar a nossa vida certifique-se que tem sempre uma alimentação equilibrada para lhes dar, com as porções adequadas dos diversos grupos alimentares:

cereais e derivados e tubérculos;

fruta e produtos hortícolas;

leguminosas;

leite e derivados;

carne, peixe e ovos;

gorduras e óleos, tendo o cuidado de utilizar pouca gordura na confecção dos alimentos, evitando assim as gorduras saturadas.

Entre as refeições, experimente, por exemplo, pôr à disposição do seu filho alguns snacks saudáveis como pedaços de banana ou fatias de tostas integrais.

Até aos quatro – cinco anos prefira alimentos de mastigação fácil, para evitar que a criança se engasgue.

Por esta altura, os miúdos já devem fazer também, pelo menos, as três refeições principais do dia, às quais se somam um ou dois lanches, durante a manhã e a tarde. E lembre-se que é importante que a criança faça as refeições em conjunto com a família, se bem que por vezes é mais falar do que acontecer. A vida nem sempre é fácil.

Assim sendo, aproveite as dicas seguintes:

-Incentive uma alimentação equilibrada, distribuída em pelo menos três refeições principais e dois lanches por dia;

–Introduza legumes, verduras e frutas como parte integrante das refeições; e não0 se esqueça que isto também se aplica aos adultos

–Evite alimentos fritos e com excesso de gordura, preferindo assados, grelhados ou cozidos;

-Os doces e as guloseimas devem ser guardados para ocasiões especiais e excepcionais, e não fazer parte da dieta diária dos mais pequenos como muitas vezes acontece;

–Reduzir a quantidade de sal, gradualmente, na comida e isto não quer dizer que se passe do 80 para o 8, mas se passar do 80 para o 70 e assim sucessivamente é fundamental;

-Habitue o seu filho a beber bastante água ao longo do dia, entre as refeições, para manter a hidratação do corpo. Para além de ser muito mais barato que os refrigerantes é incomparavelmente melhor.

15
Abr19

Ele e Ela

jl

mickey e minnie.jpgBoas.

Hoje estava a ver um documentário que falava sobre a transição das sociedades. De uma predominantemente machista, para uma em que a igualdade de direito entre sexos começa a prevalecer. E eis que se chega a um ponto em que o absurdo começa a aparecer e falo numa coisa tão simples como um conto infantil.

E falo nisto porque uma Escola de Barcelona (Tàber) decide afastar mais de 200 contos infantis da sua biblioteca por não acautelarem valores de género. Entre esses contos «ordinários» e sexistas estão textos como o Capuchinho Vermelho, A Bela Adormecida ou até A Lenda de Sant Jordi.

No total, foram mais de 200 os títulos retirados do catálogo infantil da biblioteca - destinado a crianças até aos seis anos, em idade pré-escolar -, num trabalho de revisão que contou com a ajuda dos próprios pais das crianças. Ou seja, cerca de 30% da colecção de livros para aquela faixa etária foi banida. Em 60% dos títulos, os problemas de género detectados foram considerados menos graves, enquanto somente 10% estavam escritos conforme uma perspectiva igualitária de género, de acordo com a comissão responsável pela revisão.

A completar o ramalhete devem ter estado muitos títulos como os 3 porquinhos (que devia ser os 2 porquinhos e as 2 porquinhas), o Rei Leão (que devia ser o Casal Real de Leões), O Pinóquio (que lhe crescia o nariz e pode ser entendido como uma coisa porca)

Curiosamente não vi nada contra a história da Bela e o Monstro; a Dama e o Vagabundo; a Branca de Neve e os Sete anões; a Pequena Sereia e por aí fora. Claro que iriam tentar alterar o título da Maléfica, mas falando mais a sério isto está a chegar a um ponto em que a História um dia destes vai começar a ser escrita e reescrita para parecer bem.

Eu sempre aprendi que a História já tinha passado e poder-se-ia acrescentar algo que aparecesse, agora colocar as coisas de uma maneira que possa parecer bem, a mim confunde-me um bocado.

Muitas pessoas já duvidam da história que a Bíblia descreve, mas a continuar com esta paranóia nem quero imaginar como serão estes textos daqui a 50 anos.

14
Abr19

Gasolina. Upa, upa!

jl

upaupa.jpgOlá.

Esta semana (e pela 10ªsemana consecutiva) a gasolina vai aumentar. Eu sei que isto já não é notícia. Notícia será quando ela descer, mas a continuar a este ritmo ou o pessoal vai roubar, ou então o modelo de carro dos Flinstones irá fazer sucesso porque a este ritmo um dia destes temos que vender o carro para comprar gasolina. Mas como por agora as alternativas não são muito animadoras, o melhor é o pessoal adoptar comportamentos para poupar combustível. Aqui seguem quatro exemplos:

Desatenção no controlo da pressão dos pneus – para se poupar às vezes é só tomar uma atitude e isso não custa dinheiro, como ter a pressão certa nos pneus, já que o oposto pode fazer com que gaste mais combustível. Por isso convém estar atento ao nível dos seus pneus.

Ponto de embraiagem excessivo – Muitos automóveis mais modernos já têm um sistema de ajuda ao arranque em inclinação, o que permite aos condutores arrancar de forma mais suave. Mas, outros automóveis não dispõem desta ajuda, o que leva a que se faça um ponto de embraiagem excessivo. Este é um comportamento desnecessário, tanto pela poupança de combustível, como pelo desgaste que está a dar à embraiagem.

Arranques rápidos – É nas mudanças de força (1.ª e 2.ª) que o consumo de combustível é maior. Portanto, quanto mais ríspido for o seu pé direito nos arranques, mais vai gastar. Arranques suaves são sinónimo de poupança. Para além disso pouco adianta andar por aí armado em Fittipaldi

Rotações em alta – Quanto mais suave for na condução, melhor. Trocar de mudança na hora certa é meio caminho andado para uma poupança ao final do mês. Ou isso ou colocar a sogra a empurrar a sogra a empurrar o carro, mas como ela não deve ir na cantiga, mais vale controlar a condução.

13
Abr19

Limpinho ou nem por isso!

jl

cortinas-hospitalares-em-vitoria.jpgBoas.

Como ontem já disse, andei lá por casa numas arrumações e limpeza (não que a mulher me tenha pedido, porque quem manda lá em casa sou eu. Ela não ouviu pois não?) e hoje ao ouvir as notícias ouvi algo curioso.

O que ouvi foi algo estranho já que era um resultado de um estudo que dizia que as cortinas dos hospitais são ninho de bactérias. E isto alertou-me, porque não seja um funcionário directo do sistema de saúde, a verdade é que até trabalho num hospital.

Mas voltando ao tema, o mesmo artigo referia que as cortinas que separam as camas dos doentes e que protegem a sua privacidade, também podem ameaçar a sua saúde, porque normalmente são portadoras de bactérias resistentes capazes de contaminar os pacientes, revelava um estudo.

Um total de 1.500 amostras deste género foi retirado das cortinas para o estudo, realizado nos Estados Unidos, e as bactérias multirresistentes foram detectadas em mais de um em cada cinco casos.

Frequentemente, os pacientes são portadores da mesma bactéria detectada na cortina.

Estes agentes patogénicos podem sobreviver nas cortinas e, potencialmente, transferir-se para outras superfícies e para os pacientes. Na medida em que estas cortinas são usadas por todos, é um problema bastante grave que pode afectar qualquer pessoa.

O trabalho centrou-se em seis centros de enfermagem do Michigan.

No total, os investigadores recolheram 1.500 amostras de cortinas em 625 quartos, durante o primeiro período de internamento dos pacientes e ao fim de seis meses, no caso de internamentos prolongados.

As amostras foram retiradas da borda das cortinas, frequentemente a zona mais afectada e as análises realizadas revelaram que 22% das amostras foram positivas a bactérias multirresistentes. E a verdade seja dita por muito cuidado que exista com tudo, por vezes as coisas mais simples são aquelas que podem comportar problemas.

 

12
Abr19

É descafeinado, mas…

jl

cafe.jpgBoas.

Depois de uma ligeira ausência porque o trabalho não pára, eis que vim aqui novamente. E como o trabalho não parou, foi nestes dois dias que tive que tomar mais uns cafezitos para acelerar mais um pouco. Mas como a cafeina a mim pouco me afecta, o resultado foi zero, mas como adoro café foi uma boa desculpa. E ao falar disto deparei-me com um artigo que falava sobre o descafeinado e como este podia ter efeitos negativos na saúde.

Várias opiniões dizem que beber café descafeinado não faz mal para quem não quer ou não pode ingerir cafeína como no caso de indivíduos que sofrem de hipertensão ou insónias, mas a alternativa ao café pode ser prejudicial para o estômago.

O café descafeinado tem uma pequena porção de cafeína, mas apenas 0,1% da cafeína presente no café normal. Adicionalmente, como a produção de café descafeinado requer um processo químico ou físico delicado, não retira outros compostos que são essenciais para o sabor e aroma do café, tendo por isso o mesmo sabor do café normal.

O café descafeinado pode ser muito amigo do sono mas aumenta a acidez no estômago e facilita o retorno dos alimentos para o esófago, por isso mesmo deve ser consumido com moderação por pessoas que sofrem de gastrites, úlceras e refluxo gastroesofágico.

Uma das questões que se coloca é se as grávidas podem beber descafeinado. As grávidas podem beber café normal e café descafeinado porque o consumo de cafeína não é contraindicado na gravidez. No entanto, é recomendado que as grávidas não ultrapassem as 200 mg de cafeína por dia, o que significa entre três a quatro chávenas de café por dia.

É importante seguir essa recomendação porque o café descafeinado apesar de ter menos de 0,1% de cafeína, possui outros compostos como benzeno, acetato de etilo, clorometano ou dióxido de carbono líquido, que em excesso podem ser prejudiciais à saúde.

Esperando que este artigo não tire o sono a ninguém.

 

09
Abr19

Uai-fai

jl

nos.jpgBoas.

Não sei se já aconteceu convosco, mas aqui há uns tempos estava «a bater mal» em casa, já que a net estava com pouca vontade de colaborar e depois de mil e uma voltas vi que afinal tinha um cabo desligado. Mas como nem sempre a culpa é nossa a internet fica mesmo lenta, ou por culpa da operadora ou por nossa culpa. Mas o que se pode fazer quando temos certos objectos que obstruem o sinal do wi-fi em nossa casa?

Os objectos que prejudicam a rede wi-fi bloqueiam ou limitam a propagação do sinal de radiofrequência entre o router e os dispositivos que com ele comunicam sem fios, como smartphones, tablets ou computadores.

É que quando uma dessas ondas encontra um obstáculo, parte da sua energia é absorvida pelo objeto que bloqueia a onda, outra parte atravessa-o e ainda outra parte pode ser por ele reflectida. Se não for totalmente absorvida, a onda continue a propagar-se, mas de modo mais atenuado.

Conseguir uma interferência zero é praticamente impossível, mas há truques que são fáceis de aplicar para a reduzir ao mínimo, bastando para isso conhecer quais são os objectos e os materiais que afectam negativamente a sua rede.

Afaste os objetos que prejudicam a rede wi-fi em sua casa

  1. Mobília grande e compacta

A ideia não é deitar mobília fora (se bem que às vezes não falte vontade), mas podemos colocar o router de forma a que o sinal não tenha de atravessar um grande louceiro cheio de objetos de materiais diferentes, uma prateleira grossa repleta de livros e molduras ou um sofá compacto. O objectivo é não esconder o router nem atrás nem dentro de qualquer armário ou peça de mobiliário.

  1. Paredes de gesso, cimento e cobertas de azulejo

Se a sua casa é grande e é atravessada por muitas paredes com estes materiais, vai ser difícil ter a mesma qualidade de sinal em todas as divisões. Há coisas que não pode mudar, mas que pode evitar.

Colocar o router na cozinha ou na casa de banho, se estas tiverem paredes de azulejo, ou numa despensa escondida, não é definitivamente uma boa prática. Estes materiais que revestem paredes de tijolo ou cimento formam uma barreira difícil de atravessar pelas ondas de radiofrequência.

  1. Janelas de vidro com filtros de isolamento

Madeira, materiais sintéticos e vidro são os materiais que menos impacto têm no bloqueio ao sinal wi-fi. No entanto, se o vidro for duplo e tiver aplicados filtros térmicos e de isolamento sonoro, ele pode bloquear fortemente a propagação do sinal.

É pouco provável que tenha vidros deste tipo no interior de sua casa, mas pense que salas com portas de vidro podem ser uma interferência tão grande como uma parede e que, numa casa de campo em que acede ao router interior a partir do jardim, uma parede de vidro fechada pode explicar um sinal mais fraco.

  1. Espelhos e outros objetos com metal

A parte traseira dos espelhos em metal é a grande responsável pelo impacto negativo que um espelho causa na propagação do sinal em nossa casa. De todos os materiais, este é aquele que mais interfere no seu sinal.

As ondas de radiofrequência são formadas por campos eletromagnéticos variáveis e o metal é um excelente condutor de eletricidade e magnetismo, que facilmente absorve as ondas de rádio. Não é por acaso que os microondas são revestidos por uma caixa de metal que evita a dispersão das ondas que produz.

A preocupação com as interferências que o metal pode causar é particularmente válida para os escritórios que têm portas e mobiliário de metal a dividir áreas de trabalho.

  1. Aparelhos sem fios e electrodomésticos

A chegada da internet das coisas (iot) e a possibilidade dos pequenos eletrodomésticos comunicarem entre si sem fios também afeta a qualidade das comunicações do router. Quase todos operam na mesma frequência, o que vai sobrecarregar a utilização do sinal, tornando todas as comunicações mais lentas.

O mesmo se pode dizer de electrodomésticos, como o microondas ou o forno e os grandes frigoríficos. Para além do metal que incorporam, ainda podem afetar o campo eletromagnético.

O melhor é afastar o router destes aparelhos e, se tiver muitos aparelhos a funcionar sem fios, talvez seja melhor comprar um router dual-band que pode utilizar tanto a faixa de 2,5 ghz (a mais frequentemente utilizada e que permite maior alcance) como a de 5 ghz (mais recente e que permite maior velocidade, mas menor alcance).

O objetivo é abrandar o congestionamento. Só tem de confirmar se os seus aparelhos sem fios são compatíveis com ambas as frequências.

  1. Aquários

Quanto maior for o aquário mais vai bloquear o seu sinal. Isto por causa da quantidade de água que tem dentro. O sinal terá grande dificuldade em atravessá-lo. Isto porque o meio aquático, ainda que menos que o metal, é um dos materiais naturais que maior capacidade tem para absorver estas ondas. Ou coloca-o nem sitio que pouco afecte o desempenho do sinal, ou comece a pensar que um dia destes vai haver peixe assado para o jantar.

Qual é melhor sítio para colocar o router?

O primeiro passo para evitar a interferência de todos estes objetos e materiais é colocar o router no local mais central e mais aberto da sua casa, não ter nada a tapá-lo e escolher o sítio mais alto que conseguir, de preferência junto ao teto. Quanto mais alto estiver, menos impedimentos vai encontrar no seu caminho.

Se detectar zonas ou direcções em que o seu sinal é mais fraco e o seu router tiver antenas, também pode apontar uma delas para esse sítio. Ter uma antena na vertical significa quase sempre ter mais acesso ao sinal levantando o seu telemóvel, enquanto que na horizontal esse acesso vai aumentar nas zonas mais baixas.

Se tiver muitas paredes e barreiras com os materiais de que falamos e não for possível mudá-las, o ideal é comprar um wireless bridge, um extensor do seu sinal wi-fi, que capta o sinal do seu router e o reenvia de novo. Pode ser colocado nos locais onde a recepção é mais fraca. Ou aproveite este ano para pedir isso a um politico. Como vão haver eleições pode ser que tenha sorte.

Esperando desde já que este artigo sirva para ajudar.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub