Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

marianagugudada

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

marianagugudada

16
Abr18

Aquecer o estômago

jl

comida.jpgOlá.

Hoje venho aqui deixar um artigo que nos fala sobre os aproveitamentos da comida e de como o fazer, já que em termos económicos represente uma fatia importante de gastos, mas em termos de saúde também poderá trazer consequências a sua má conservação. Vamos lá então:

Sobrou comida? Saiba que cuidados deve ter com os restos que não se consumiram

Guardar comida no frigorífico, seja porque sobrou ou porque cozinhou a mais a pensar nas refeições do dia seguinte é uma forma bastante prática de garantir um bom controlo daquilo que se come. A dieta agradece e a carteira também, mas há que saber dar bom uso a este eletrodoméstico. Por exemplo, sabe que em pouco tempo (digamos, menos de três dias) o arroz torna-se um ambiente bastante propício à produção da ‘famosa’ bactéria E. Coli? E atenção que ao fim de uma semana não se forma Coca. Se não era Coca Coli!!

Seguindo a ideia que ‘a saúde em primeiro lugar, sempre’  de seguida deixo apontamentos que se deve seguir em específico a alguns dos mais comuns alimentos, de forma a garantir que as suas refeições são guardadas da melhor forma, para manter as suas propriedades nutricionais bem como não colocar em risco a saúde de quem as ingere.

Uma forma de garantir que a comida arrefece mais depressa, para se poder coloca-la no frigorífico, é ao transferi-la para outro recipiente. Além disso, e porque a comida não deve ser aquecida mais que uma vez, guarde-a já de vez em porções individuais ou em porções adequadas à quantidade de pessoas que irão usufruir dela.

Arroz: Como já foi dito, este ao contrário do que se possa pensar não é um alimento que aguente muito tempo no frigorífico. Além disso, não deve ser reaquecido muitas vezes. Depois de o cozinhar, deixe-o esfriar por cerca de uma hora e guarde de imediato no frigorífico onde deve mantê-lo no período de um dia. Estás a ver Maria, quando estiver de diarreia já sei um dos possíveis motivos!!

Frango: Tal como o arroz, deve estar à temperatura ambiente na altura em que é colocado no frigorífico e não deve ser aquecido mais do que uma vez. Contudo, o alimento é conservado desta forma por três dias. Mais que esse tempo está sujeito a ouvir a música do avô Cantigas: doidas, doidas andam as galinhas!

Carne vermelha: Outra boa opção de proteína para quem prepara a comida com antecedência já que aguenta três dias no frigorífico e pode ser comida fria. No caso de a aquecer, não passe diretamente do frigorífico para o micro-ondas, deixe-a primeiro atingir a temperatura ambiente. Senão está sujeito a ficar com a doença das Vacas Loucas. Embora ajuizado só me veja a mim!!

Batatas: Aguentam até três dias no frigorífico e podem ser reaquecidas. Contudo, no caso de serem batatas assadas, ao serem aquecidas no micro-ondas vão ganhar uma textura mole e pouco agradável pelo que é aconselhado aquecê-las numa frigideira, por exemplo. Mas boas ficam é as batatas cozidas; aquecidas sabem maravilhosamente a puré com pó de talco misturado!

Vegetais e verduras: Espinafres e outras verduras do género mantêm-se conservados no frigorífico por cerca de três dias. São uma boa opção para se comer frio, em saladas, ou à temperatura ambiente. Mas por exemplo se aquecer couvinhas de Bruxelas ficam saborosas e depois também fica com a garantia que nessa noite fica com a cama só para si, pois provocam uns gases que nem vos digo!

Lacticínios: Após a sua utilização, guarde-os no frio logo que possível e sempre na sua embalagem de origem, que garante a conserva das suas propriedades por mais tempo. Já sabe se tirou o leite da vaca, meta o bichano no frigorifico!

Enlatados: É do tipo de comida que também se consegue conservar por cerca de três dias, contudo, nunca o deverá fazer na embalagem metálica em que o alimento veio, já que o gosto a metal pode ser transmitido para a comida.

Se for fã dos Metallica ou de uma banda desse estilo isso é o tipo de comida adequada para si!

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D