Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

marianagugudada

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

marianagugudada

27
Set18

Castigos à maneira

jl

criança.jpgOlá.

Hoje li um artigo que me fez lembrar da Escola Primária. Quando eu andava lá, o que já aconteceu no século passado, quando a canalha (como gosto desta palavra) fazia asneirolas, havia dois castigos muito populares para os professores aplicarem, ou era a famosa reguada ou então colocar os pirralhos virados para a parede como castigo. Isto vem no seguimento do que li que dizia que um casal norte-americano tinha deixado o seu filho filho de cinco anos num bosque como castigo, sendo que posteriormente este lindo par foi acusado de negligência infantil.

Segundo os relatos que li, as autoridades encontraram o menino a andar sozinho na rua, a chorar e completamente encharcado pela chuva que se fazia sentir. O mesmo foi então visto por um condutor que contactou as autoridades. Ao ser questionada, a criança explicou que tinha sido ali deixada porque se tinha "portado mal".

O casal quando foi ouvido justificou-se dizendo que tinham voltado pouco depois para o ir buscar, mas que já não o tinham conseguido encontrar. Ó, que pais carinhosos!!

A polícia encontrou Lynda Michel, de 42 anos, e Gregory Wilson, de 32 (o que são umas idades para se ter no mínimo algum juízo), a procurar pelo filho, mas que sobre o qual não tinham reportado o seu desaparecimento.

Os pais foram acusados formalmente por abandono, e a criança foi retirada aos pais.

O castigo é um bocadito cruel. Eu mantinha na mesma a custódia, mas antes fazia a mesma coisinha a estes paizinhos. Levava-os, sei lá, para o meio da Amazónia como castigo e eles que encontrassem maneira de sair de lá.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub