Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

marianagugudada

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

marianagugudada

30
Mar16

Dar cabo do coração

jl

Boas. Hoje em dia vivemos numa sociedade em que se fala cada vez mais de violência doméstica. E na larga maioria dos casos, estes incidem sobre o que os homens fazem de mal às mulheres. E concordo absolutamente com este alerta. Mas quando são os homens as vítimas? Coitadinhos de nós, que andamos neste Mundo para sofrer nas mãos da mulher (espero que a minha Maria não leia isto se não este fim-de-semana não me livro de aspirar a casa). Aqui vai:2000px-Broken_heart.svg.png

Recusou casar-se e ela matou-o de forma violenta. Foi condenada à morte

Do Bangladesh chega-nos uma história que ultrapassa os limites da violência extrema. Uma mulher, de nome Fatema Akhter Sonali, esquartejou o namorado, cortando-lhe o pescoço e posteriormente o peito para lhe remover o coração.

O jornal Daily Mail, que dá conta da macabra história, notifica também o ponto de partida para os actos: o homem recusou-se a casar e a situação piorou quando ela descobriu que ele tinha gravado, às escondidas, momentos íntimos do casal, mas não só, de outras mulheres com quem esteve.(o senhor gostava de recordar o que era bom e como dizia o anúncio recordar é viver)

Ouvida a história, o tribunal do Bangladesh condenou a rapariga de 21 anos ao enforcamento. “É raro ver uma mulher ser condenada à morte, mas o caso de Sonali era excepcional", disse o procurador à Associated Press.

Ouvida no tribunal, Sonali confessou aquilo que fez, e fê-lo de forma detalhada. “Ela disse ao tribunal que deu uma bebida ao namorado com mais de 20 comprimidos dissolvidos para que ele adormecesse instantaneamente. Depois, amarrou-lhe os pés e as mãos e cortou-lhe a garganta. Já morto, disse que tinha curiosidade em saber o quão grande era o coração dele. Abriu-lhe o peito, tirou o coração e cortou-o”, contou o procurador, citado pela mesma agência.

Moral da história; um homem não pode ter a bondade no seu ser e espalhar a felicidade por aí, que vem logo a sua senhora e dá-lhe cabo do coração!!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub