Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

marianagugudada

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

marianagugudada

24
Mai18

Toca a guardar uns euritos

jl

poupar.jpgOi.

E lá venho eu novamente com a mania da poupança. Hoje venho aqui deixar umas notas sobre alguns hábitos que estão a fazer com que o seu dinheiro esteja a ser deitado pela janela.

Mesmo para os mais abastados desperdiçar dinheiro pode ser visto como um tipo de comportamento estúpido. Pare e pense, durante apenas um minuto, em tudo aquilo que poderia fazer com o dinheiro que gasta em coisas sem importância na sua vida e tente tirar conclusões.

A sua vida poderia ser melhor fazendo que com isso o seu futuro ficasse salvaguardado. E mesmo que estes pensamentos não o façam reconsiderar os seus gastos mais estúpidos, pense pelo menos no quanto trabalhou para ganhar o seu dinheiro, e depois imagine que afinal trabalhou de graça – sim, porque o que está a fazer pode ser comparado a simplesmente deitar fora horas e semanas de salários no saco do lixo. Cá vão então alguns exemplos:

 1.Compra coisas novas porque… são novidade

Se mal pode esperar para comprar o seu próximo iPhone tenha calma porque há de haver sempre um novo iPhone. O comércio e o capitalismo movem o mundo e não é por isso que tem ou que deve aderir a todas as modas e tendências. Mais que uma necessidade, muitas das vezes é uma moda.

Não são somente os aparelhos digitais aos quais deve ter atenção. Tem um carro novo e já está a ansiar pelos novos modelos que sairão para o ano? Sabia que um carro novo desvaloriza em 11% no mesmo minuto em que o conduz para fora do stand, e esse valor aumenta para 19% no primeiro ano?  Chocado?

  1. Compra artigos em saldo de que não necessita de todo

É daqueles que corre para o centro comercial assim que a época de saldos começa ou se sabe de alguma promoção? ‘Mas é uma pechincha, estou a poupar imenso!’ e é isto que diz a si próprio quando está a entregar o cartão multibanco ao vendedor? Pois é, pense a ‘pechincha’ que seria se decidisse manter o seu dinheiro na carteira. É que muitas vezes o que compra nunca é usado. Se realmente precisa tudo bem, mas precisa mesmo?

  1. Paga taxas para utilizar cartões de crédito

Está a pagar a uma empresa de crédito para que você possa ainda pagar juros pelo dinheiro que lhes deve? Que belo negócio! Opte por um cartão sem taxas anuais ou opte por nenhum cartão. Muitas das vezes tentam-nos impingir algo que nem usamos. Tenha atenção e coragem de dizer que não.

  1. Não usa cartões de fidelidade nas lojas que frequenta regularmente

Sim, é verdade que hoje em dia há um cartão para quase tudo. Invadem-nos a carteira e perdem-se nos bolsos. Porém, se vai regularmente ao mesmo supermercado ou a outro tipo de loja o melhor é que retire alguma vantagem desse hábito. Ao não utilizar um cartão de fidelidade poderá estar a gastar mais de 20%, comparativamente a quem o faz. Se vai habitualmente ao Continente porque não utilizar o cartão daí e obter descontos? Não lhe custa nada e traz benefícios.

  1. Come mais vezes fora do que em casa

Se toma o pequeno-almoço na pastelaria, se almoça no restaurante perto do trabalho e se à noite pede um take-away… bem está a ver o problema certo? Tome nota do dinheiro que gasta a comer fora durante apenas uma semana, e avalie se vale realmente a pena não ir de férias por causa daqueles hambúrgueres ‘gordurosos’ que insiste em comer todos os dias. Não quer dizer que tenho que abdicar de tudo, mas se vai comer com a sua Maria todos os Sábados ao centro comercial e gasta vinte euros dá quase cem euros de média por mês. Já viu que se optar por ir fim-de-semana sim, fim-de-semana não consegue poupar 600 euros por ano. E porque não quando estiver em casa ir passear junto à praia ou ver um filme na televisão com umas pipocas ao lado?

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D