Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

marianagugudada

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

marianagugudada

25
Set21

Um dia destes mais vale andar como os Flinstones

jl

carro flinstones.jpgBoas.

Hoje quando se anda na VCI, os radares são algo a que já é normal. E o problema dos radares é mesmo esse, a normalidade. Quanto mais as pessoas ficam habituadas, menos «cartão» passam ao que fazem na estrada e com isso as notinhas podem sair do bolso para pagar pelos erros cometidos.

Pois bem, o nosso Governo como única preocupação (o dinheiro das multas não contará para nada) está a preparar-se para montar um Big Brother nas nossas estradas. Neste momento já existem cerca de 220 aparelhos que captam o excesso de velocidade (os quais estão distribuídos pela PSP, GNR, Infraestruturas de Portugal, ANSR e câmaras), mas virão aí muitos mais.

E segundo o que se ouve, Lisboa está a preparar-se para avançar com limite de 30km/hora. Mas para além dessa cidade, outras cidades podem aderir a tal limite, especialmente em zonas junto a ciclovias ou com muita circulação de pessoas.

Mas se isto até se pode compreender em certas situações, isto vai colocar uma questão de privacidade, porque os novos radares podem fotografar nos dois sentidos, embora em muitas das avenidas e ruas vá passar a haver dois radares, um em cada sentido.

Ou seja, o radar vai apanhar os carros de frente e de trás. Ao fotografar-se de frente ver-se-á quem vai ao lado do condutor.

Segundo o que se sabe, estes radares terão um alcance de 70 metros, bem menos do que as pistolas que a PSP e a GNR já têm e que conseguem definir com exatidão a velocidade a que vai uma viatura até 400 metros de distância.

No Porto o cenário será diferente de Lisboa no que diz respeito à quantidade. Segundo o que se sabe, apenas serão acrescentados radares em dois troços. A juntar a isto vão aparecer radares de controlo de velocidade média no país.

Os vários distritos e estradas que vão receber os 10 novos radares de controlo de velocidade média que no nosso distrito estarão instalados na A3.

Sei que esta medida está englobada numa medida de prevenção, mas os quase 42 milhões de euros em coimas relativas à velocidade que o nosso Estado foi buscar só até ao mês de Junho, não são tostões.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub