Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

marianagugudada

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

A vida não é feita por parcelas, é feita pelo todo

marianagugudada

26
Out17

Vamos ganhar ao Cancro

jl

mama.jpgBoas.

Embora já tenha aqui escrito sobre o Cancro da Mama, hoje torno a escrever sobre isso e desta vez venho para falar sobre sintomas menos conhecidos desse mesmo problema e que embora seja um flagelo enorme pouco se fala dele. Claro que agora que está a chegar o período do Peditório da Liga Portuguesa Contra o Cancro muito se falará disto, mas de pois disto?

O cancro da mama é o tipo de cancro que mais afecta as mulheres e corresponde à segunda causa de morte por cancro na mulher, segundo os médicos e especialistas da Liga Portuguesa Contra o Cancro.

Em Portugal, todos os anos são detetados cerca de 6.000 novos casos de cancro da mama, e 1.500 mulheres morrem com esta doença.

O cancro da mama é uma das doenças com maior impacto na nossa sociedade, não só por ser muito frequente, e associado a uma imagem de grande gravidade, mas também porque agride um órgão cheio de simbolismo, na maternidade e na feminilidade. E para além das mulheres afecta todos aqueles que as envolvem.

Esta doença pode causar alterações físicas visíveis, que devem ser observadas com muita atenção.

De seguida deixo os 10 sintomas menos conhecidos para além do nódulo:

-Qualquer alteração na mama ou no mamilo, quer no aspeto quer na sua palpação

-Qualquer nódulo ou espessamento na mama, perto da mama ou na zona da axila

-Alteração na sensibilidade no mamilo

-Alteração do tamanho ou mesmo na forma da mama

-Retração do mamilo (mamilo virado para dentro da mama)

-Pele da mama, aréola ou mamilo com aspecto escamoso, vermelho ou então inchado

-Secreção ou perda de líquido pelo mamilo

-Crosta no mamilo

-Aparecimento de veias

-Aparecimento de saliência ou reentrâncias, sendo este parecido com casca de laranja

Apesar dos estadios iniciais do cancro não causarem dor, se sentir dor na mama ou qualquer outro sintoma que não desapareça, deve consultar o médico sem hesitação.

Na maioria das vezes, estes sintomas não estão associados a qualquer tipo de cancro, mas é importante ser vista pelo médico, para que qualquer problema possa ser diagnosticado e tratado atempadamente.

Estes casos infelizmente podem acontecer a qualquer um, mas isso acontecendo o ser descoberto atempadamente é logo o primeiro passo para o sucesso. E não esquecer que embora só se associe o cancro da mama à mulher, os homens também poderão ser vítimas desta doença.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub